Como conciliar vida pessoal e profissional: confira 6 dicas

Publicado por em 16 de março de 2020
Categorias:
Como conciliar vida pessoal e profissional: confira 6 dicas

Conciliar vida pessoal e profissional não é algo tão simples. Para o profissional de saúde não é diferente, tendo em vista que sua rotina costuma ser intensa. Além de prestar um bom atendimento aos seus pacientes, ele também precisa, muitas vezes, organizar o setor administrativo da clínica ou consultório para não ter problemas futuros.

Além disso, esse profissional também sabe que separar um tempo para a família é essencial para ter um bom relacionamento com quem ele ama — o problema está em como conciliar tudo isso. Identificou-se com tal cenário? É sobre esse assunto que vamos tratar neste artigo. Continue a leitura e confira nossas sugestões!

Dicas para conciliar vida pessoal e profissional

A seguir, separamos dicas valiosas que ajudarão você a melhorar a sua rotina, organizando-se tanto para lidar com as questões profissionais quanto com as pessoais. Acompanhe!

1. Faça um planejamento semanal

Fazer um planejamento semanal é uma maneira eficiente de se organizar. Sendo assim, separe um tempo apenas para pensar nos compromissos da semana. Será preciso participar de alguma reunião escolar dos filhos? Quais serão os dias em que precisará trabalhar no plantão? E os momentos de folga? Quantos pacientes conseguirá atender?

Ao identificar cada atividade, você é capaz de organizar o seu tempo para dar mais atenção à sua família sem prejudicar o seu compromisso com os pacientes. Além disso, também é possível eliminar estímulos externos que o incentivam a perder o foco, possibilitando que todas as tarefas sejam executadas com êxito e sem qualquer tipo de estresse.

2. Identifique o que rouba o seu tempo

A procrastinação é algo muito sério. Isso porque ela faz com que as pessoas percam seu precioso tempo com atividades que não estão ligadas aos seus objetivos. Quando você procrastina qualquer tarefa, as horas passam sem você ao menos perceber e, embora não tenha alcançado seu objetivo do dia, se sentirá cansado da mesma forma. E o pior: também terá um sentimento de frustração motivado pela falta de determinação.

Sendo assim, é importante identificar o que rouba o seu tempo. É o celular? São os seus colegas de trabalho que gostam de conversar durante o expediente? São as saídas excessivas para tomar um café? Feito isso, você consegue melhorar a sua organização e eliminar de uma vez por todas esses “vilões”.

3. Estabeleça prioridades

Após planejar a sua semana e eliminar as suas distrações, é hora de estabelecer quais são as suas prioridades. Sendo assim, defina as suas demandas mais urgentes e verifique se as demais podem ser distribuídas durante a semana para não sobrecarregar você.

No entanto, a vida de alguns profissionais de saúde tem lá seus percalços. Isso porque, muitas vezes, eles precisam deixar o seu momento de lazer para atender um paciente que está correndo risco de vida, por exemplo. Ou seja, embora o planejamento seja feito, as coisas podem sair do controle em algum momento.

Nesse caso, organize-se para compensar essa “falta” na sua vida pessoal. Realize algo que há tempos deseja colocar em prática, como um novo hobby.

4. Delegue os trabalhos

É claro que existem responsabilidades que somente os profissionais da saúde podem executar. Por outro lado, muitas atividades podem ser delegadas a terceiros para facilitar a sua rotina. Portanto, não tenha receio de solicitar ajuda: isso é muito importante para diminuir sua sobrecarga de trabalho e evitar a necessidade de extrapolar o horário para concluir alguma tarefa.

Com exceção do atendimento aos pacientes em situações de emergência, você deve tomar cuidado para que o seu trabalho não comprometa sua vida pessoal. Por mais que seja algo que você ama fazer, separar um tempo para si é fundamental para melhorar a sua produtividade e motivação para seguir em frente.

5. Organize suas férias

Todo mundo merece alguns dias para cuidar do seu bem-estar físico e mental. Nesse sentido, é importante que você se organize para tirar férias e se dedicar a sua saúde. Afinal, assim como os seus pacientes precisam de todo cuidado necessário, você, enquanto profissional da área, também merece essa atenção, certo?

Sendo assim, é importante escolher um destino que realmente proporcione prazer e que o faça esquecer seus compromissos profissionais. Dessa forma, será possível descansar o suficiente para enfrentar novos desafios e trabalhar com entusiasmo.

Durante esse período, curta bastante sua família e amigos. Essa é uma maneira eficiente de se aproximar cada vez mais de quem você ama.

6. Desenvolva sua inteligência emocional

Além da correria do dia a dia, os profissionais da saúde precisam lidar com diferentes tipos de situações que, mesmo sem perceber, afetam a sua saúde emocional. É um paciente que não resistiu ou a necessidade de ter que entregar um diagnóstico difícil — enfim, são muitas variáveis que interferem nesse sentido.

Dessa maneira, é necessário que você identifique quais são os momentos que mais causam estresse ou estimulam a sua ansiedade e falta de autoconfiança para se preparar para lidar com essas frustrações.

Trabalhar a inteligência emocional ajuda você a entender as suas emoções, desenvolver habilidades interpessoais e o autoconhecimento. 

Importância do estudo e capacitação profissional

A busca pelo conhecimento precisa ser constante, em especial para profissionais da saúde. Afinal, eles lidam diretamente com o bem-estar e qualidade de vida dos pacientes. Como você sabe, uma especialização em saúde merece muito cuidado, sendo fundamental procurar uma instituição de ensino de qualidade e credibilidade para confiar seu aprendizado.

Ademais, também é essencial estar atento às tendências da área da saúde, a fim de oferecer o melhor atendimento aos seus pacientes, aumentando a precisão dos diagnósticos e acelerando os resultados dos tratamentos realizados.

Como você pode observar, conciliar vida pessoal e profissional exige muita organização, determinação e foco nos seus objetivos. Embora você ame a sua profissão, é importante dar uma atenção especial a si mesmo e à sua família. Boas relações profissionais e pessoais ajudam a melhorar a sua produtividade, aumentar a sua autoestima e manter a sua motivação elevada. Feito isso, você consegue trabalhar de maneira saudável, diminuindo ao máximo as suas frustrações.

Gostou das informações que trouxemos neste artigo? Ficou com alguma dúvida sobre o assunto ou quer compartilhar suas experiências? Então, deixe seu comentário logo abaixo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Redimensionar Fonte
Contraste