Novembro Azul: entenda de verdade a sua importância

Publicado por Faculdade IDE em 1 de novembro de 2019
Categorias:
Novembro Azul: entenda de verdade a sua importância

A campanha do Novembro Azul tem caráter internacional. Pois demonstra a importância da conscientização acerca da prevenção do câncer de próstata. Visto que na maior parte dos casos, essa doença se desenvolve lentamente e não apresenta sintomas. Por consequência isso torna as medidas preventivas — como a realização dos exames específicos — fundamentais para o diagnóstico e tratamento precoce.

Mediante isso, vamos falar sobre os objetivos do Novembro Azul e da relevância desse movimento. Em resumo, destacaremos a necessidade de se trabalhar uma mudança de postura em relação ao estigma culturalmente estabelecido quanto aos exames necessários para o diagnóstico do câncer de próstata.

Quer saber mais? Continue lendo e veja como é possível, de uma forma simples, evitar esse tumor, proteger a saúde masculina e reduzir as estatísticas dessa doença. Acompanhe!

O que é o câncer de próstata?

Esse tipo de câncer é caracterizado por um tumor que atinge a próstata, uma glândula localizada logo abaixo da bexiga. Essa pequena glândula envolve a uretra, orifício que liga a bexiga ao pênis. O câncer de próstata é o principal tumor entre os homens, estando atrás apenas dos melanomas. Somente em 2017, a doença causou 15.391 mortes no Brasil.

Por razões culturais, ainda há muito estigma e preconceito em relação aos exames para prevenção e diagnóstico desse tumor. No entanto, vale ressaltar que cuidar da saúde para evitar a doença não fere a masculinidade do homem. Se o preconceito e o receio de realizar o exame não fossem tão grandes, muitos casos poderiam ser prevenidos e as estatísticas de mortalidade seriam menores.

De acordo com o Ministério da Saúde (MS), há um risco estimado de 66,12 novos casos dessa modalidade de câncer a cada 100 mil homens. Isso deixa claro a relevância de abordar o assunto com maior naturalidade e aproveitar o impacto do Novembro Azul para incentivar a promoção da saúde.

Qual é o objetivo do Novembro Azul?

Origem do Novembro Azul

O movimento conhecido como Novembro Azul teve origem na Austrália, no ano de 2003. O intuito da campanha era chamar a atenção da sociedade para a importância de buscar medidas de prevenção e diagnóstico precoce não somente do câncer de próstata, mas também das demais doenças tipicamente masculinas.

A cada ano que passa, a popularidade dessa campanha torna-se mais expressiva. Durante todo o mês de novembro, tanto aqui no Brasil como em diferentes países, prédios, torres e monumentos históricos são iluminados de azul com objetivo de chamar a atenção para o movimento.

O propósito dessa campanha global de conscientização é envolver um número cada vez maior de homens e motivá-los à realização dos exames preventivos, pois cuidar da saúde é fundamental.

Novembro Azul no Brasil

Aqui no Brasil, o Novembro Azul foi idealizado pelo Instituto Lado a Lado pela Vida. A proposta inicial era promover uma mudança de comportamento em relação à ida do homem aos serviços de saúde. Ainda que a campanha tenha sido instituída com uma abordagem mais centrada na problemática do câncer de próstata, atualmente ela está voltada também para outros aspectos da saúde masculina.

Por diversas razões, os homens têm mais resistência à procura de tratamentos médicos. Nessa perspectiva, o Novembro Azul foi ampliado para promover a saúde integral do homem. Ou seja, o movimento se tornou um símbolo para alertar a classe masculina sobre a necessidade de promover, de forma mais efetiva, cuidados com a saúde.

Vale ressaltar que essa campanha tem a finalidade de incentivar o homem a entender que é preciso mais atenção à saúde em todos os sentidos, inclusive no âmbito mental. Orientações sobre a adoção de hábitos saudáveis, de readequação alimentar e à prática regular de atividade física também estão inseridas nessa meta.

Igualmente importante é que os homens sejam cuidados sob uma vertente biopsicossocial. Investigar a necessidade de apoio emocional ou psíquico — e prestar um pronto apoio nos casos de dependência química — é fundamental para assegurar o alcance dos objetivos do Novembro Azul: a atenção à saúde masculina de forma integral e plena.

Você sabe quais são os sintomas do câncer de próstata?

Os sintomas do câncer da próstata variam conforme o estágio da doença. Porém, é preciso destacar que esse tipo de tumor tem evolução assintomática e silenciosa. Muitos homens não apresentam sinais da doença ou, quando surge algum, a maioria dos casos se assemelham aos do crescimento benigno da glândula prostática.

Geralmente, costumam aparecer no início da doença:

  • dor ou dificuldade para urinar;
  • redução do jato de urina ou urina gotejada;
  • necessidade de urinar mais vezes durante o dia ou à noite;
  • presença de sangue na urina.

No entanto, quando a doença já está na fase mais avançada, alguns sinais característicos são facilmente percebidos. Os mais evidentes são:

  • dor na coluna vertebral;
  • sintomas urinários mais grave;
  • desenvolvimento de infecção generalizada;
  • maior risco para insuficiência renal.

Como evitar o câncer de próstata?

No Brasil, o câncer de próstata é apontado como a causa de morte de 28,6% da população masculina diagnosticada com tumor maligno, também chamado de carcinoma ou neoplasia. Apurando as estatísticas, é como se um homem brasileiro morresse a cada 38 minutos em decorrência do câncer de próstata. Essas são as referências mais recentes divulgadas pelo Instituto Nacional do Câncer (Inca).

Além dos riscos associados às questões genéticas, tabagismo ou alcoolismo, o fator idade aumenta consideravelmente os riscos. A incidência da doença é bem maior nos homens acima dos 50 anos — tanto que o câncer de próstata é considerado um tumor típico da terceira idade.

Uma das formas mais seguras de identificar a presença e o estágio da doença é pela combinação de dois exames. Veja quais são e por que são tão importantes.

Dosagem de PSA

Esse teste é realizado pelo exame de sangue. Por meio do hemograma, é possível a avaliação dos níveis do antígeno prostático específico que está sendo produzido pela próstata.

Toque retal

Como a próstata está localizada, praticamente, em frente ao reto, por meio desse exame, o médico apalpa a glândula e percebe se há nódulos ou algum tecido endurecidos sugestivo de anormalidade

Esse exame é importantíssimo como confirmação diagnóstica, já que alguns pacientes podem apresentar nível normal de PSA, mas ter um tumor. Por isso, apenas o teste de PSA realizado isoladamente não pode ser considerado como análise ou confirmação de diagnóstico.

Como vimos, os riscos e as consequências dessa doença reforçam a importância do Novembro Azul. No entanto, os cuidados com a saúde não podem ficar limitados somente a esse mês. A realização de exames de rotina e a atenção aos aspectos que envolvem a saúde mental também devem ser parte integrante das medidas de proteção da saúde masculina durante o ano todo.

Gostou deste artigo? Então, não perca tempo: assine a nossa newsletter e receba mais conteúdos como este em seu e-mail!